DEFPLUS – Programa de Qualificação

Conceituado como um programa de qualificação interna, a nível técnico-jurídico, servindo como norte para o mapeamento das áreas de atuação da Defensoria Pública e seu aprimoramento no desenvolvimento de sua missão por meio de seus membros, organizado em módulos estrategicamente pontuados a partir da realidade dos núcleos de atendimento, com foco voltado aos Defensores, servidores, estagiários, colaboradores que manifestam sua participação mediante a necessidade de atualização e aperfeiçoamento na prestação dos serviços ofertados pela Defensoria em âmbito interno e externo. Uma qualificação voltada para a evolução das rotinas de trabalho em todos os segmentos da Instituição.

A iniciativa prevê a difusão de conhecimento jurídico atualizado e avançado relativo a dinâmica vivenciada nos Núcleos de atuação, tendo por objetivo a capacitação e o desenvolvimento do profissional para a melhora na eficiência e qualidade do seu trabalho.

Com espeque na ampla interpretação das funções da Defensoria Pública, não apenas como uma Instituição de acesso do hipossuficiente ao sistema judiciário, mas à própria Justiça, é que se estabelece a importância da qualificação daqueles que apresentam o rosto da Instituição, haja vista que a qualificação apresenta resultados na atuação interna em rotinas administrativo-jurídicas e nas relações externas com uma extensa gama de programas voltados para a construção de uma proximidade da comunidade com o conhecimento dos direitos e deveres de cada um, por intermédio de um acesso direto aos serviços instrucionais da Defensoria Pública.

A título de exemplo, no âmbito da Defensoria Pública existe o Curso de Formação Inicial de caráter obrigatório aos Estagiários aprovados no processo seletivo da Instituição. O alinhamento, a dinâmica de funcionamento, a atualização a nível jurídico em relação aos mais variados tipos de demandas, o interesse na prestação de um atendimento em máxima qualidade, a integração dos estagiários com os programas desenvolvidos com públicos determinados e na forma preventiva, as atividades de instrução social, são formas de habilitar o novo integrante com uma face cada vez mais próxima do que ordena a Constituição e a Lei quanto ao papel da Defensoria Pública, um programa de qualificação que evidencia o abraço da Instituição sobre a “Assistência Integral e Gratuita”.

O programa se desenvolve pela promoção da qualificação e atualização dos Defensores, servidores, colaboradores e estagiários na busca por uma prestação alinhada à envergadura da Instituição e de seus valores basilares, sobretudo no que diz respeito ao papel Constitucional da Defensoria Pública.

Todos os programas desenvolvidos pela Defensoria Pública, por intermédio da EASJUR, podem ser acompanhados através do nosso site, bem como por meio de nossas redes sociais.